Nos últimos 30 anos, os profissionais do coaching executivo passaram de raros a comum.

A maioria das pessoas que trabalham em corporações (ou individualmente) hoje em dia presumem que ter a chance de aprender com um coach é algo positivo, e por isso frequentemente sou solicitado a explicar os benefícios dessa profissão.

As pessoas geralmente vêm até mim já sabendo que precisam contratar um coach e todas têm uma ideia bastante clara do que esperam do relacionamento.

Então, quando um potencial cliente me perguntou recentemente como ele se beneficiaria de um trabalho com um profissional de coaching executivo, foi uma boa oportunidade para eu refletir sobre os resultados positivos do coaching e responder a ele da melhor forma.

E isso me fez perceber que outras pessoas também podem ter essa pergunta, mas às vezes hesitam em perguntar, já que o coaching se tornou uma prática bem aceita e até esperada por muitas pessoas em todos os lugares.

A resposta seria óbvia.

Então, aqui estão os principais pontos positivos que observei oferecendo serviços de coaching de carreira e vendo o que acontece quando os clientes aproveitam ao máximo a oportunidade.

Se você, como coachee, entrar em um compromisso de coaching executivo (ou outros) com uma mente aberta e uma disposição real para crescer, você pode razoavelmente colher esses benefícios com muito êxito:

Ver-se mais claramente

Isso parece simples, mas na verdade é muito importante.

Esse estudo na universidade de Massachusetts mostrou que a maioria de nós não se vê com muita clareza e que isso é importante.

A autoconsciência precisa é altamente correlacionada à eficácia e lucratividade organizacional, e os coachees preferem seguir líderes que se vêem claramente (e estão dispostos a compartilhar percepções).

Quando você se envolve com um bom coach, ele geralmente reúne informações ideais sobre como os outros o vêem no início do engajamento e o compartilha com você.

Foi o meu caso ao fazer o programa profissão coach com o Geronimo Theml, um coach muito influente aqui no Brasil.

Os melhores treinadores também padronizarão o feedback em temas-chave, para esclarecer melhor as percepções dos outros sobre suas principais forças e áreas de crescimento.

Além disso, no decorrer do engajamento das sessões, seu coach compartilhará suas percepções sobre você, com base em sua observação e suas interações com os outros.

Mais importante ainda se o seu treinador for eficaz e uma testemunha justa.

Ver os outros com mais clareza

Ao longo dos anos, muitas vezes vimos grandes líderes se depararem com problemas por causa de suas avaliações imprecisas a respeito dos que os cercam.

Eles podem perder bons clientes porque não reconhecem e apoiam suas capacidades, ou mantêm os treinandos com desempenho insatisfatório por muito tempo porque acham que são os melhores do “pedaço”.

Eles podem tropeçar politicamente porque superestimam ou subestimam a capacidade de alguém de causar impacto no sucesso de sua carreira.

Mas, um bom e perspicaz treinador muitas vezes terá percepções mais neutras e precisas sobre os que o rodeiam do que você, e compartilhará essas percepções com você (especialmente se ele ou ela estiver fazendo outro trabalho em sua organização).

E, porque treinadores qualificados trabalham para tornar seus clientes de coaching independentes, ele ou ela também o ajudará a aplicar as mesmas habilidades mentais que você aprendeu para se ver com mais clareza, para que você possa se tornar mais preciso na sua avaliação dos outros.

Veja as 7 características que apresentam e definem um coach de sucesso.

Isso faz toda diferença na vida pessoal e em qualquer carreira.

Aprenda novas maneiras de responder

Marshall Goldsmith, talvez o treinador executivo mais conhecido dos Estados Unidos, escreveu um livro chamado What Got You Here Won’t Got You There.

É um título maravilhoso porque a ideia da obra é muito verdadeira.

Todos nós temos um conjunto de recursos e respostas que podem nos servir bem como pessoas de nível médio, mas isso não nos ajudará como líderes mais experientes.

A grande diferença está em sair da média!

Por exemplo, eu treinei um vice-presidente sênior muito inteligente e dono em uma empresa de mídia há alguns meses, que ainda estava apenas começando e realizando seu trabalho.

Ele não sabia unir sua equipe e garantir que todos trabalhassem em sincronia com os objetivos de maior prioridade, mas eu pude ajudá-lo a ver que seu sucesso agora dependia não apenas da qualidade de seu próprio trabalho, mas também da sua capacidade de inspirar e dirigir os outros.

Trabalhei com ele para pudesse aprender as habilidades necessárias e mudar sua mentalidade – e ele agora tem as mais novas e úteis ferramentas de coaching em seu “arsenal de liderança”.

Aproveitar seus pontos fortes existentes

Ter um profissional de coaching executivo eficaz e de apoio também pode ajudá-lo a ver e alavancar os pontos fortes que você já tem, mas que pode estar subestimando.

Meses atrás, treinei um pequeno empresário que tinha um verdadeiro dom para visualizar produtos e serviços que atraíssem os clientes no futuro, mas que ainda não usava o poder da internet pra tal.

Ele de alguma forma pensou que isso não era um grande problema (na verdade, ele me disse em um ponto, “Será que todo mundo não faz isso?“).

Ajudei-o a ver a singularidade e o valor dessa capacidade e a aprender como se apoiar nela para usá-la de maneira mais eficaz em benefício de sua equipe e de sua organização.

Hoje ele alcança o dobro de resultados em seu negócio mensalmente, o que antes era alcançado em 1 ano.

Construir relacionamentos mais produtivos

Os líderes podem aumentar drasticamente sua eficácia apenas por estarem dispostos ou serem capazes de construir relacionamentos fortes com certos tipos de pessoas.

E com muita frequência, isso significa pessoas como elas mesmas – em segundo plano, raça, gênero, crenças ou estilo de trabalho.

Um bom coach pode ajudá-lo a reconhecer essa tendência em si mesmo e trabalhar contra ela, ajudando-o a ver e questionar as suposições limitantes que você faz sobre pessoas que não são como você e oferecendo ferramentas para ajudá-lo a entender e criar fortes relações de trabalho vitais, com uma ampla variedade de pessoas.

Aqui está um dos meus modelos favoritos, eu uso isso em praticamente todos os compromissos de coaching e também como uma ferramenta para construir equipes.

Coaching executivo para conseguir o que você quer

Esta é a linha de fundo para um engajamento de coaching eficaz.

Um bom coach pode ajudá-lo a esclarecer seus objetivos e sonhos e o que você é capaz de fazer para alcançá-los.

Ele também pode ser um sistema de suporte muito útil em sua jornada: alguém que o conhece muito bem e deseja o melhor para você – mas é um terceiro neutro.

Ao contrário de sua família ou de seus funcionários, seu coach não depende de você para o sucesso dele ou dela.

Ele ou ela pode ser honesto com você sobre como você está, lembrando-se do que você disse que quer alcançar e deixando você saber o que está fazendo e apoiando suas intenções ou ficar no seu caminho.

Finalmente, e mais importante, o seu treinador pode ensinar-lhe novas formas de pensar e operar, seja no seu próprio negócio ou em um emprego tradicional.

São novas habilidades que lhe permitirão alcançar melhor seus objetivos e criar a carreira que você deseja, como é o caso do programa profissão coach (indicado na aba “recursos” aqui do blog)

Eu vi e vejo centenas de executivos crescerem dessa maneira como resultado de trabalhar com um treinador qualificado.

Mas eu tenho duas ressalvas: seu treinador tem que ser bom (nesse caso é) e você tem que ser amigável com ele, tem que ajudá-lo a te ajudar 🙂

Como o coaching se tornou tão popular durante as últimas duas décadas, há muitas pessoas trabalhando como coaches que não necessariamente serão capazes de apoiá-lo dessa maneira.

Essa é uma ajuda para diferenciar e classificar o bom do não tão bom quando se trata de treinadores.

E, talvez ainda mais importante: seja você.

Se você não está disposto a passar pelo processo muitas vezes assustador, frustrante e embaraçoso de reconhecer que precisa crescer e realmente fazer o que é preciso para crescer, não se beneficiará de ter um coach.

Não importa quantos anos você tem ou onde você está em sua carreira, se você quer obter o máximo de ter um treinador, você tem que estar disposto a ser um novato (humilde) em algumas áreas.

Mas se você for corajoso, comprometido e curioso, verá que seu relacionamento de coaching pode ser um poderoso catalisador para se tornar a pessoa que você mais quer ser.

Qualquer dúvida deixe um comentário.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido!